31 de julho de 2010

Chronic dissatisfaction

by Ana Paula de Almeida às 22:46
Bom, hoje resolvi variar um pouco, e ao invés de postar um dos meus textos vou transcrever aqui um dos diálogos cinematográficos que eu mais gosto. O trecho foi retirado de um dos meus filmes preferidos, Vick Cristina Barcelona, em que os protagonistas Maria Helena (Penélope Cruz), Juan Antonio (Javier Bardem) e Cristina (Scarlett Johansson)encenam uma acalorada discussão. Peço que desculpem os erros de tradução e espero que gostem e quem não viu ainda se interesse a a assistir, porque eu recomendo! Pra quem gosta de um bom romance com uma pitada de bom humor e sensualidade é uma ótima pedida!



Vick Cristina Barcelona
A vida é a mais suprema obra de arte!

Cristina: I don't know, not this.
Juan: There's no answer, Cristina...
Maria Helena : Antonio no lo entiendes que no ha conseguido lo que queria, quiere otra cosa, que esto ja no le basta, que es como una efermidad, que nunca le va bastar con nada!
Cristina: Don't get so upset, please.. and can you speak english please? I can't understand you.
Maria Helena: Esta niña nunca le va bastar con nada.
Juan Antonio: Please speak in English.(...)
Maria Helena: Como lo sabia! Como lo sabia!
Juan Antonio: Speak English, please, so she can understand all right?
Maria Helena: Chronic dissatisfaction, that's what you have. Chronic dissatisfaction. Big sickness. Big sickness.
(...)
Maria Helena: Do you know how much we love you?
Cristina: Yeah, and I love you both.
Maria Helena: No, you don't. No you don't. Niña de mierda! Niña de mierda! Niña de mierda! Como lo sabia! Como lo sabia!


-------------------------------------------------------------------------------------
Maria Helena: Eu te disse ou não te disse?
Juan: O que você quer?
Cristina: Eu quero algo diferente.
Juan: O quê?
Cristina: Não sei, não é.
Juan: Não há nenhuma resposta, Cristina ...
Maria Helena: Antonio não entende que ele não tenha conseguido o que queria, não quer nada, ja não é suficiente, que é como um doença, que nunca será suficiente para nada!
Cristina: Não fique tão chateada, por favor .. e você pode falar Inglês, por favor? Eu não posso compreendê-lo.
Maria Helena: Essa menina nunca vai estar satisfeita com qualquer coisa.
Juan António: Por favor, fale em Inglês .(...)
Maria Helena: Como eu sabia! Como eu sabia!
Juan Antonio: Fale Inglês, por favor, para que ela possa entender tudo bem?
Maria Helena: a insatisfação crônica, que é o que você tem. insatisfação crônica. Grande doença. Grande doença.
(...)
Maria Helena: Você sabe o quanto te amo?
Cristina: Sim, e eu te amo tanto.
Maria Helena: Não, você não. Não, não você. Menina de merda! Menina de Merda! Menina de merda! Como eu sabia! Como eu sabia!



[Penélope Cruz, de longe minha atriz preferida, e em uma de suas melhores atuações]



[O filme é recheado de fotografias, feitas pela personagem da Scarlett, a Cristina. Agora dá pra entender um dos motivos pelo qual eu amo esse filme não é?]

1 comentários:

Michelli B.E. on 13 de setembro de 2010 12:44 disse...

eugosto! ^.^

Postar um comentário

 

napaulices Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos